top of page

Vendas no setor de beleza seguem aquecidas e registram alta de 24% no primeiro trimestre de 2023

Levantamento realizado pela Circana aponta um total de vendas de mais de US$ 200 milhões no Brasil.


As vendas do setor de beleza de prestígio, que contempla as marcas de luxo, atingiram US$ 6,6 bilhões no primeiro trimestre de 2023, no Brasil. Um aumento de 16% em relação ao mesmo período de 2022, de acordo com a Circana, empresa líder global em tecnologia de dados para análise do comportamento do consumidor. O mercado de beleza de massa também cresceu e gerou US$ 7,0 bilhões, aumentando em 10% na comparação com o ano anterior.

No Brasil, o mercado de massa registrou um crescimento de 15%, com US$ 63 milhões em vendas, no mesmo período. A Indústria de cosméticos profissionais, aquelas que são para revenda a salões de beleza e cabeleireiros cresceu ainda mais, 24.2%, com US$ 140 milhões em vendas. No total, o mercado de beleza brasileiro faturou US$ 203 milhões no primeiro trimestre.


O levantamento da Circana aponta ainda que os produtos de cuidados com os cabelos tiveram o maior aumento de preço médio, ano a ano, entre todas as categorias de beleza, nos Brasil. O movimento foi impulsionado por um aumento nas vendas de produtos com preços acima de US$ 30. Além dos produtos com mais caros, os tratamentos direcionados a salões de beleza e cabeleireiros estão aquecendo as vendas da categoria, incluindo protetores térmicos, produtos para alisamentos dos cabelos e cuidados com o couro cabeludo. No Brasil, as marcas nacionais performaram acima da média da categoria.


Fonte: Cosmetics Innovation


Faça parte deste mercado que mais cresce no Brasil, gerando renda acima da média.








Posts recentes

Ver tudo
bottom of page